Maktub

Maktub

sábado, 22 de dezembro de 2012

Tempo de esperas


Sei que o tempo das esperas

é de plantar jardins

depurar a alma

mas tal é a ansiedade da chegada

que não consigo fazer mais nada


a não ser viver de esperanças ...

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012



E tem vezes que o todo não cabe

é tanto, que se esvai.

E aqui vai uma gota :

Da felicidade que se busca


Do sonho que se quer encontrar.

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Miragem




Depois de longa caminhada pelo deserto
Uma miragem aparece

Um céu azul
Uma poça de água
Um olhar
e uma flor amarela

Milagre!
depois de tanto tempo no deserto
vejo sinais de Primavera

Sei que tenho ainda muito a caminhar
mas o que já posso ver
é esperança para o meu coração
força para minhas pernas e

asas para minha imaginação...

Chama do amor

A chama do amor por Deus
em alguma hora da noite
foi substituída pela chama da paixão terrena

E enquanto a chama da paixão ardia
Deus mandou ventos e tempestades para apagá-la,
e mesmo passando por todas as tempestades
eu quis insistir na paixão, crendo que era o próprio amor...

Mas o amor não faz padecer ....
Então veio um furacão e apagou a chama da paixão
e Deus me fez lembrar, que é ele, sempre
em primeiro lugar...